Destaques

Dois soldados morrem no mesmo dia em confronto com traficantes no Rio de Janeiro



Foto: Facebook.


Os policiais militares Flávio Cruz Mendes, de 27 anos, e Davi Matos, de 30 anos, foram mortos em confronto com traficantes no Complexo da Penha, nesta sexta-feira (16), no Rio de Janeiro.

De acordo com o Jornal Extra, o soldado Flávio morreu após ser baleado na cabeça, durante um confronto entre a PM e criminosos na Vila Cruzeiro, na Penha, Zona Norte do Rio. O soldado Davi Matos foi baleado no coração, em um tiroteio na localidade conhecida como Avrão, também no Complexo da Penha.

Ainda segundo o Extra, na manhã deste sábado (17), o Comando-Geral da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro divulgou uma nota lamentando a morte dos dois agentes mortos, que se formaram na mesma turma e estavam na polícia há dois anos e sete meses. O texto destaca que os soldados "são heróis, vidas que se foram para defender a segurança da população e a paz deste estado".

Os conflitos iniciaram após a morte de um dos chefes do tráfico na região, Joanderson Costa do Nascimento, em confronto com a PM. O soldado Flávio deixa uma filha de três meses de idade. O comando da Polícia Militar informou que está prestando toda a assistência à família dos dois militares.