Últimas Notícias

Governo Federal bloqueia quase 10 mil pedidos de seguro-desemprego




O Governo Federal bloqueou cerca de 9,5 mil requerimentos de seguro-desemprego, flagrados pelo sistema anti-fraude implementado em dezembro de 2016. O bloqueio representa R$ 52 milhões em benefícios. O sistema rastreia o CPF do requerente do seguro-desemprego ou do abono social.

Segundo o Ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, o sistema ampliará, até julho, as trilhas de investigação, para identificar todas as formas de irregularidades e fraudes contra o seguro-desemprego.

A primeira checagem de dados, feita em requerimentos de agosto a dezembro de 2016, identificou cerca de 45 mil pedidos suspeitos de fraude, que ainda estão sendo investigados, no valor de R$ 145 milhões. A estimativa para 2017 é evitar o pagamento indevido de R$ 1,3 bilhão.

O Ministro explicou que as fraudes comprovadas são encaminhadas à Polícia Federal, acrescentando que as pessoas que tiverem o seguro bloqueado devem procurar o Ministério do Trabalho. Há casos em que o trabalhador foi vítima de fraudadores e teve o benefício suspenso pela fiscalização.