Últimas Notícias

Grave acidente causa a morte de dois igaporaenses e ferimentos em outros três. Uma criança em estado grave.


Foto: Whatsapp

Um grave acidente provocou a morte de dois igaporaenses na BR 365, por volta das 2h (horário de verão) deste sábado (11), no Município de Patos de Minas, em Minas Gerais. Outras três pessoas saíram feridas, entre elas, duas crianças, filhas de Narla de Jesus Magalhães - uma das vítimas fatais - juntamente com um homem identificado como Vandilson. Todos naturais da cidade de Igaporã.

Segundo informações obtidas pelo Portal Lapa Oeste, o condutor de um caminhão que transportava móveis e eletrodomésticos de uma família de Igaporã, juntamente com ração e a cabine de um caminhão, perdeu o controle da direção do veículo, que colidiu contra o barranco e tombou, espalhando a carga na rodovia.


As cinco pessoas que viajavam no caminhão saíram com ferimentos leves e aguardavam socorro à beira da pista, quando o condutor de outro caminhão não conseguiu parar o veículo que derrapou e atingiu as vítimas do primeiro acidente. O condutor informou aos bombeiros que perdeu o controle porque tentou desviar da cabine transportada no primeiro caminhão.

Narla morreu no local, juntamente com o condutor do primeiro veículo, identificado como Eldinei Rodrigues de Carvalho, conhecido como Ney, natural da localidade de Cerquinha, em Igaporã, mas, residente em Caetité, onde deixou esposa e dois filhos.

As duas crianças e o homem atingidos foram socorridos por equipes do SAMU e do Corpo de Bombeiros e conduzidos ao Hospital Regional de Patos de Minas. Segundo o site Patos Hoje, um dos corpos foi encontrado embaixo da carroceria do segundo caminhão, carregado com produtos inflamáveis, o que dificultou o trabalho de resgate por parte dos bombeiros.

Familiares residentes em Igaporã informaram à redação do Portal Lapa Oeste, que o homem ferido no acidente, identificado como Vandilson, aguarda cirurgia na unidade hospitalar e manteve contato telefônico com a família durante todo o dia, fora de perigo. Uma das crianças se encontra em estado grave, intubada, e a outra com ferimentos leves. Parentes estão viajando à cidade para acompanhar as vítimas e liberar os corpos.