Breaking News

Acordo finaliza disputa de 30 anos por terras no extremo oeste da Bahia


Foto: Google Mapas via Jornal Nova Fronteira

Um amplo acordo entre José Valter Dias, que se dizia proprietário das áreas da Coaceral e Aprochama, e estava de posse de um mandado de reintegração de posse, exarado do juiz titular da Comarca de Formosa do Rio Preto, custará aos mais de 300 produtores, que plantam na área de 320.000 hectares, a bagatela de R$ 398.000.000,00 – trezentos e noventa e oito milhões de reais.

Se o negócio foi feito em soja a base de 23 sacas por hectare, num total de 7.360.000 sacas, os valores podem ultrapassar de longe a cifra total com a valorização da leguminosa, já que os preços hoje estão bastante deprimidos (R$54,00 a saca de 60 quilos).

O acordo foi fechado neste dia 18, nas dependências da Assembleia Legislativa do Estado, com a intermediação direta do presidente Ângelo Coronel.

Há 30 anos os produtores iniciaram o plantio de soja, milho e algodão na área e têm obtido excelentes resultados devidos à boa condição de textura do solo e de boa pluviosidade média.

Tanto produtores como o proprietário reclamante não revelam o valor do acordo, mas esse é o valor estimado pelo qual os agricultores indenizarão os Dias.


Nenhum comentário

Os comentários publicados não representam o pensamento ou ideologia do Portal Lapa Oeste, sendo de inteira responsabilidade dos seus autores.