Últimas Notícias

Em operação, PRF registra aumento de 525% em pessoas dirigindo sob efeito de álcool



Fonte: PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou nesta segunda-feira (23) os resultados da Operação Tiradentes de 2017. Foram três dias de operação com fiscalização intensificada e em relação ao ano interior houve um aumento de 34,5% no número de veículos abordados.
Segundo a publicação no Facebook oficial do órgão, "em 2016 a Operação Tiradentes submeteu 1.831 motoristas ao teste de etilômetro e flagrou 12 condutores dirigindo sob efeito do álcool", já neste ano o numero de motoristas submetidos ao teste praticamente dobrou, mas 75 resultados foram positivos, o que significa um aumento de 525%. Também cresceram em 18,82% as ultrapassagens em locais proibidos, uma manobra que segundo a PRF é responsável pela maior parte das mortes em rodovias.

Os radares rodoviários flagraram 1.935 veículos transitando em excesso de velocidade, o que representa aumento de 7,98% em relação ao ano anterior. Ainda na publicação, a PRF afirma que "fatores como a imprudência, a inabilidade, a falta de cuidado e o desrespeito às Leis de Trânsito dos condutores, foram determinantes para a ocorrência de 47 acidentes, 12 foram considerados graves, aqueles em que há pelo menos um ferido grave ou uma pessoa morta".
Mesmo assim, houve uma redução de 58,8 % no número de pessoas feridas gravemente em relação ao ano anterior. E três pessoas faleceram, o que representou uma redução de 40% no número de fatalidades.
A Operação Tiradentes apreendeu, ainda, 32 pessoas por crimes diversos, 105 kg de substância análoga à maconha e recuperaram quatro veículos roubados, o que significa um aumento de 300% de apreensões em relação a 2016. A PRF também recolheu 118 animais nas rodovias federais. Para acessar os resultados na íntegra clique aqui.

Bahia Notícias



Nenhum comentário

Os comentários publicados não representam o pensamento ou ideologia do Portal Lapa Oeste, sendo de inteira responsabilidade dos seus autores.