Últimas Notícias

Carinhanha: jovem encontrado morto no Rio São Francisco não foi assassinado confirma laudo do IML


Foto: Whatsapp


Segundo matéria publicada pelo jornalista João Miguel do Portal Folha do Vale, o jovem carinhanhense Jardel Alckmin morreu por afogamento, segundo ele afirma, baseado em laudo pericial do Instituto Médico Legal de Guanambi, a causa da morte teria sido afogamento.
O jovem era filho do policial aposentado Joel Alckmin, atual chefe da guarda municipal de Carinhanha, e foi encontrado morto no Cais da cidade no dia 02 de abril. A família acreditava em homicídio, posto que, Jardel havia se envolvido em uma confusão recentemente.
Para algumas pessoas o rapaz teria cometido suicídio o pular da balaustra do respectivo Cais da cidade chamado de “paredão”.
 
Guanambi FM


Nenhum comentário

Os comentários publicados não representam o pensamento ou ideologia do Portal Lapa Oeste, sendo de inteira responsabilidade dos seus autores.