Breaking News

Bahia: operação policial prende doze pessoas e apreende cerca de 10 mil munições



Foto: imagem / TV Santa Cruz

Ao menos 12 pessoas – entre elas dois irmãos, foram detidas na cidade de Itabuna, durante a manhã desta quarta-feira (1º), na Operação Pelágios, deflagrada pela Polícia Civil contra o tráfico de munições na região sul da Bahia.


Uma grande quantidade de munições e armas, além de equipamentos para fabricar munições, foram apreendidos. Uma parte do material foi achada em uma loja de caça e pesca, no centro da cidade, que pertence aos dois irmãos que foram presos. Também foi encontrado material na casa deles e no escritório de um posto de combustível na cidade de Ubaitaba que, segundo a polícia, também pertence aos empresários.
Os irmãos tinham autorização para vender armas sob encomenda a quem tem porte legal. No entanto, segundo as investigações, muitas munições são de uso restrito do Exército e não poderiam ser comercializadas.
A polícia acredita que os irmãos mantinham estoque de armas e munições para vender de forma clandestina. “Essas munições comercializadas por essas pessoas eram vendidas para intermediários que vendiam para traficantes de drogas, que fizeram ataques e homicídios que ocorreram em Itabuna”, aponta o delegado André Aragão. Segundo a polícia, os irmãos negaram que vendiam armas e munições de forma ilegal.
Além dos empresários, mais dez pessoas suspeitas de fazerem parte de facções criminosas foram presas em vários bairros, acusadas de comprar as munições por meio de intermediários.
A polícia investigava o tráfico de munições em Itabuna há dois meses. Segundo o delegado André Aragão, as armas e munições serão periciadas pelo Exército, para avaliar se têm procedência legal ou não.

  G1 Bahia  



Nenhum comentário

Os comentários publicados não representam o pensamento ou ideologia do Portal Lapa Oeste, sendo de inteira responsabilidade dos seus autores.