Breaking News

Preocupante! Cresce o poder de fogo das quadrilhas do tráfico e roubo a bancos na Bahia


Foto: SSP/BA

A Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP) forneceu informações sobre o aumento na apreensão de armas de grosso calibre, em poder do crime organizado, principalmente os fuzis, cujo número de apreensões triplicou de 2016 para 2017.


Segundo a SSP, as polícias Civil e Militar apreenderam quase 19 mil armas, entre revólveres, fuzis, metralhadoras, rifles e outros tipos de armas de fogo. A Secretaria fez uma estimativa de 11 armas apreendidas por dia na Bahia.

Os fuzis se destacam nas apreensões. Em 2014 a polícia recuperou três armas. Em 2015 o número subiu para 14, caindo no ano seguinte para sete armas apreendias. Já em 2017 o número saltou para 22 fuzis.

Trata-se da arma mais utilizada pelas quadrilhas de traficantes, como também, dos bandos que atuam nos assaltos a bancos, sequestradores e até por políticos. De acordo com estimativas de grupos especializados, há uma quantidade de seis a dez vezes maior de fuzis, do que tudo que foi apreendido.

Informações de Mário Bittencourt / Correio 24 Horas



Nenhum comentário

Os comentários publicados não representam o pensamento ou ideologia do Portal Lapa Oeste, sendo de inteira responsabilidade dos seus autores.