loading...

Breaking News

TJ/BA revoga liminar que garantia liberdade a vereadores de Correntina



Foto: reprodução


O Tribunal de Justiça da Bahia rejeitou a medida liminar que garantia ao Presidente da Câmara de Vereadores de Correntina, Wesley Campos Aguiar, o direito de responder em liberdade um processo por fraudes em licitações, juntamente, com outros colegas do Legislativo.

Além de Maradona, foram condenados os vereadores Juvenil Araújo Souza, Jean Carlos Pereira Santos, Milton Rodrigues Souza e Nelson da Conceição Santos.

Maradona sofre investigação na Operação Último Tango, sob acusação de ter fraudado vários processos licitatórios e contratos firmados na prefeitura, além do desvio de verbas, pagamento de gratificações indevidas e recebimento de propinas para aprovação de projetos de lei.

Os condenados ainda podem recorrer da decisão.