loading...

Breaking News

Oeste: homem morre em confronto com a PM enquanto comparsa foi executado dentro de ambulância



Francisquinho e Tiago. Foto: arquivos pessoais
Um homem identificado como Tiago foi executado com tiros de espingarda calibre 12, dentro de um ambulância do SAMU, enquanto era transferido de Luís Eduardo Magalhães para o Hospital do Oeste, em Barreiras.

Segundo a polícia, homens encapuzados abordaram a ambulância com tiros de advertência. Em seguida, abriram o veículo pela porta dos fundos e atiraram contra a perna e a barriga de Tiago, que morreu sobre a maca.

Foto: Blog Braga
A médica que estava no veículo foi atingida por estilhaços em um dos braços. Ela recebeu atendimento de uma outra equipe que veio em uma segunda ambulância, e a levou para a UPA juntamente com duas enfermeiras que também estavam no veículo. O condutor permaneceu no local aguardando os trabalhos policiais.

Várias viaturas da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), Polícia Militar, Rondesp e da CIPE Cerrado fizeram a segurança no local para os trabalhos da perícia técnica. Após o levantamento cadavérico, o corpo foi liberado para o Instituto Médico Legal (IML) de Barreiras.


Foto: Blog Braga

De acordo com a polícia, Tiago foi ferido no abdome durante um tiroteio com uma guarnição da Polícia Militar, por volta das 18h desta quarta-feira (30), no bairro Santa Cruz. Ele estava em companhia de um familiar conhecido como Francisquinho, dentro de um automóvel modelo VW Gol, de cor preta.

Segundo o relato dos policiais, Chiquinho teria disparado contra a guarnição policial e foi atingido, morrendo no local, enquanto Tiago foi socorrido pelo SAMU e encaminhado à UPA, onde a equipe médica constatou a gravidade dos ferimentos e o encaminhou ao HO.

Durante o tiroteio, um policial militar foi atingido com um tiro no pescoço e socorrido para a UPA 24h. A equipe médica também providenciou sua transferência imediata para o HO, devido ao risco de morte que corria com o ferimento grave. Não foi possível obter atualizações sobre o estado de saúde do policial, até o fechamento desta reportagem. Informações do Blog Braga