Breaking News

Estudante de Fortaleza já participou de mais de mil enterros desde criança


Foto: Fantástico/Rede Globo

Em Fortaleza, o Rodrigo, que tem 30 anos, é conhecido como o "papa defunto". Ele diz que já participou de mais de mil velórios e enterros desde criança. Ele chegava a inventar desculpa para ir ao Instituto Médico Legal.

A lembrança de tantos enterros está na coleção de santinhos. Até hoje o estudante de administração pega estrada nos ônibus fretados pelas famílias. Para chorar um falecido, distância é o de menos. Nesta rotina de velórios e enterros, o Rodrigo acabou se tornando conhecedor de tudo o que envolve este momento: Da documentação exigida para liberar um corpo à encomenda de caixão e funerária. Até aquisição de sepultura. Com esta experiência, ele tem prazer em ajudar as pessoas numa hora de dor.

  Portal G1