Breaking News

Zap do tráfico: criminosos utilizam redes sociais para anunciar venda de drogas




Pensando em turbinar os negócios e fazer o tráfico de drogas prosperar, criminosos que agem no Distrito Federal resolveram investir pesado em “ações de marketing” para atrair usuários.
Um dos traficantes recentemente identificados e presos pela Polícia Civil (PCDF) chegava a distribuir panfletos nas ruas do Gama nos quais garantia vender porções de maconha mais barato do que a concorrência (foto em destaque).
Além do corpo a corpo com a clientela, os suspeitos apostam no alcance das redes sociais e aplicativos quando o assunto é angariar novos fregueses.
Durante o monitoramento da rotina do traficante, os investigadores identificaram que Hudson fazia contatos com estudantes da rede pública do Distrito Federal tanto por meio de aplicativos como o WhatsApp quanto fazendo publicidade com os panfletos divulgados por ele.
Os policiais cumpriram buscas na casa de Almeida e apreenderam porções de crack e maconha, além de dinheiro e materiais usados para embalar droga.

  Jornal Metrópoles