Breaking News

Estado gasta três vezes mais com alunos de escolares militares, do que em outras escolas públicas


Alunos de colégios militares custam três vezes mais do que de escolas públicas regulares
Foto: reprodução

O Estadão realizou um levantamento sobre os recursos destinados à educação pública e constatou que o aluno de colégio militar custa ao país três vezes mais do que quem estuda em escola pública regular. Enquanto estes custam R$ 6 mil anuais aos cofres públicos, os da escolas militares precisam de R$ 19 mil.

Os cálculos do Jornal indicam que o país precisaria desembolsar cerca de R$ 320 bilhões por ano para colocar todos os alunos em colégios militares, o triplo do orçamento do Ministério da Educação (MEC).

Ainda segundo o jornal, o desempenho dos alunos das escolas do Exército em avaliações nacionais é superior ao restante das escolas. No Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), a média é maior até do que a dos alunos de escolas particulares. O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), principal indicador de qualidade no País, dos colégios militares é 6,5 (do 6º ao 9º ano do fundamental). O das escolas estaduais, 4,1. Informações do Estadão