Breaking News

Saúde é o problema mais citado pelos eleitores nos estados do país, apontam pesquisas Ibope



Resultado de imagem para saúde pública
Foto: reprodução
A saúde aparece como o problema mais citado pelos eleitores de 25 estados e do Distrito Federal, segundo pesquisas realizadas pelo Ibope neste mês de agosto.

Mesmo se considerada a margem de erro (de 3 pontos percentuais para mais ou para menos), a saúde fica com o 1º lugar em número de menções em todos os locais pesquisados. Apenas em Minas Gerais ainda não foi divulgada uma pesquisa Ibope após o registro dos candidatos nas eleições deste ano.



Saúde é o problema mais citado por eleitores nos estados (Foto: Igor Estrella/G1)



Numericamente, ao menos 70% dos eleitores declaram a saúde como uma das três áreas
Publicidade
que a população dos estados enfrentam maiores problemas, exceto em Alagoas, onde ela é citada por 42% dos entrevistados. O maior índice é verificado no Rio Grande do Norte (89%), seguido de Rondônia (84%) e Amazonas (83%).

Em suas pesquisas, o Ibope apresentou uma lista de áreas e pediu que os eleitores elencassem as três em que o estado estivesse enfrentando os maiores problemas. As áreas listadas foram:








  1. agricultura
  2. assistência social
  3. corrupção
  4. drogas
  5. educação
  6. energia elétrica
  7. estradas/rodovias
  8. funcionalismo público
  9. geração de empregos
  10. habitação/moradia
  11. imposto e taxas
  12. lazer e cultura
  13. meio ambiente
  14. saneamento básico/água e esgoto
  15. saúde
  16. segurança pública
  17. transporte/mobilidade
  18. turismo



Além das opções, os eleitores podiam responder "nenhuma destas", dizer que não sabiam ou não responderem.

As outras duas áreas mais apontadas foram educação e segurança pública, sempre com uma diferença maior que a margem de erro para as demais, exceto em dois estados.

Alagoas se mantém como exceção. No estado, após a saúde, uma série de temas são citados em percentuais próximos: drogas (13%), segurança pública (11%), geração de empregos (8%), educação (5%), corrupção (5%). E em Santa Catarina, o 4º tema mais citado (corrupção, 30%) empata na margem de erro com o 3º (segurança pública, 35%).


  Portal G1