Breaking News

Tuberculose. SUS adota novo medicamento que substitui três comprimidos por um




O Ministério da Saúde incorporou os remédios Rifampicina 300 mg e Isoniazida 150 mg para o tratamento dos casos de tuberculose sensível, de tratamento complexo.

A decisão foi publicada no Diário Oficial da União dessa quarta-feira (29), através da Portaria n. 30, de 28/08/2018, liberando a utilização do medicamento no Sistema Único de Saúde (SUS).



O novo remédio substitui por apenas um comprimido o tratamento anterior que utilizava três, gerando mais conforto para os pacientes.

Segundo o Ministério da Saúde, foram adquiridas 5 mil caixas do remédio, que correspondem a 2,5 milhões de comprimidos. Para o acompanhamento da implantação da isoniazida 300 mg, será financiada uma pesquisa desenvolvida pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES).

Os estudos terão apoio de pesquisadores externos nos estados do Espírito Santo, Santa Catarina, Paraná, São Paulo e no Distrito Federal, que receberão, inicialmente, o medicamento. Informações da Agência Brasil