Breaking News

Lúcio Vieira Lima é único baiano em lista dos 50 parlamentares 'anti-indígenas'




Lúcio Vieira Lima é único baiano em lista dos 50 parlamentares 'anti-indígenas'
Foto: reprodução



Um levantamento do Conselho Indigenista Missionário (Cimi) identificou os parlamentares que mais atuaram no Congresso contra os direitos indígenas nos últimos anos. O deputado federal Lúcio Vieira Lima é o único baiano que faz parte do grupo de 50 parlamentares, entre Câmara e Senado, listados como os mais "anti-indígenas". 

O baiano faz parte ainda de outro ranking apresentado pelo levantamento, o dos 13 parlamentares que mais receberam doações de setores ligados ao agronegócio, mineração e empreiteiras, considerados como os mais interessados na desmobilização de políticas indígenas. 

Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA) e Toninho Pinheiro (PP-MG) foram indicados como os deputados que receberam as maiores somas de empresas ligadas às empreiteiras. 



Os deputados Tereza Cristina (PSB-MS), Luis Carlos Heinze (PP-RS), Jerônimo Goergen (PP-RS) e a senadora Simone Tebet (PMDB- MS) aparecem entre os que mais receberam dinheiro de setores ligados ao agronegócio. 

Quanto ao setor da mineração, foi identificado que empresas deste ramo financiaram em maior parte as campanhas dos deputados Marcos Montes (PSD-MG), Geraldo Resende (PSDB-MS) e da senadora Rose de Freitas (PMDB-ES). 

Ainda de acordo com o portal, há nomes que aparecem em mais de um ranking: o deputado Leonardo Quintão (PMDB-MG) com doações vindas dos setores da mineração e empreiteiras; os senadores Kátia Abreu (PDT-TO), agronegócio e empreiteiras; Ronaldo Caiado (DEM-GO), empreiteiras e mineradoras; Antonio Anastasia (PSDB-MG), com doações do agronegócio, empreiteiras e mineração.

  Bahia Notícias