Breaking News

Anatel inicia segunda fase de bloqueio dos celulares piratas



Resultado de imagem para celular bloqueado



A Agência Nacional de Telecomunicações realizará a segunda etapa de bloqueio dos celulares piratas a partir de 8 de dezembro em dez estados, que detem quase 30% das linhas de telefonia móvel do Brasil.

O primeiro bloqueio ocorreu no último mês de fevereiro e, nesta segunda etapa, serão bloqueados quase 70 milhões de aparelhos no Acre, Espírito Santo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina e Tocantins.

O Agência bloqueará os aparelhos que o sistema detecta a ausência de um certificado estrangeiro aceito pela Anatel, pois nesse caso, o aparelho pode ser fruto de roubo, clonagem ou adulteração.



Os proprietários de aparelhos irregulares adquiridos antes de fevereiro de 2018 não precisam se preocupar, pois o sistema não desconectará, desde que mantenha o mesmo número de telefone. Somente os telefones celulares adquiridos após fevereiro serão alvo do bloqueio de sistema. A Anatel pretende reduzir a comercialização de aparelhos roubados ou com certificação não reconhecida no Brasil.

O bloqueio não atingem outras funções dos telefones, como aplicativos ou redes wi-fi. A Anatel explica que o portador de um celular irregular, pode transferir o chip para outro reconhecido no Brasil, para continuar usando normalmente.