Breaking News

Bahia: população cobra solução sobre o caso do assassinato de um líder do MST






Familiares e amigos do líder do MST Márcio Matos, conhecido como Marcinho, cobraram agilidade nas investigações sobre o seu assassinato a tiros em janeiro de 2018, ocorrido no assentamento Boa Sorte, onde morava, no município de Iramaia, na Chapada Diamantina.

O protesto foi realizado durante um ato ecumênico realizado no último final de semana, com o objetivo de homenagear o líder camponês e protestar contra sua morte. O ato foi ocorreu em Vitória da Conquista, com a presença de políticos, líderes camponeses e populares ligados ao líder assassinado. Informações do Jornal da Chapada



Nenhum comentário

Os comentários publicados não representam o pensamento ou ideologia do Portal Lapa Oeste, sendo de inteira responsabilidade dos seus autores.