Breaking News

Divulgado Mapa da Violência Contra a Mulher 2018



Resultado de imagem para violência contra a mulher



Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher da Câmara dos Deputados divulgou o Mapa da Violência Contra a Mulher 2018, que revelou dados alarmantes. O grupo utilizou 140.191 reportagens sobre violência publicada pela imprensa e constatou que 68.811 se tratava de violência contra a mulher, em suas diferentes formas.

Estupro

De acordo com o relatório preparado pela Comissão 32.926 casos são de estupros, subdivididos em 29.430 de "estupro comum" (praticado por um único homem contra uma ou várias mullheres) e 3.349 casos de estupros coletivos (cometido por dois ou indivíduos contra uma ou mais vítimas. A Comissão contabilizou, ainda, 137 casos de estupros virtuais (quando a mulher sofre ameaça de ter o seu corpo exposto na internet). Dos quase 33 mil casos, identificou-se 43% que se caracteriza como estupro de vulnerável, cometido contra meninas de até 14 anos de idade.



Violência Doméstica

A imprensa brasileira noticiou 14.796 casos de violência doméstica no Brasil. Esse tipo de agressão é cometido em sua maior parte por companheiros e ex-companheiros (58%), os outros 42% são cometidos por parentes, como pais, avôs, tios, padrastos. A maioria das vítimas desse tipo de violência têm entre 18 e 59 anos de idade (83,7%).

Para proteger a mulher da violência doméstica e familiar, foi criada a Lei Maria da Penha, sancionada em 2006 pelo ex-presidente Lula.



Feminicídio

O relatório mostra que 15.925 mulheres vítimas de feminicídio estavam em situação de violência doméstica. A maioria das mulheres assassinadas nessa condição tinham entre 18 e 59 anos (90,8%). Mulheres com menos de 18 anos de idade correspondem a 6,7% das vítimas e idosas (2,5%). Companheiros e ex-companheiros correspondem a 95,2% dos autores desse crime.

Como o Brasil concentra um alto número de assassinatos de mulheres pela condição de gênero, a ex-presidenta Dilma Rousseff sancionou, em 2015, a lei que torna hediondo o crime de feminicídio.



Crimes contra a honra online

O levantamento identificou 2.788 casos desse tipo de crime. Mais de 90% das vítimas possuem menos de 40 anos de idade, dentro desses dados, 14% são menores de 18 anos, 37% tem entre 18 e 29 anos e 43% entre 30 e 39 anos. A partir dos 40 anos, o índice cai drasticamente, são cerca de 4% das vítimas e 1,5% estão com idade acima de 50 anos.

Os dados também apontam que a maior parte dos agressores possui ou já possuiu algum tipo de relação com a vítima (57,8%). Conhecidos da família (12%) e desconhecidos (31,2%).



Importunação sexual

Esse tipo de violência se configura na prática de ato libidinoso contra alguém sem o consentimento. Em 2018 foram registrados 72 casos desse tipo de crime, e em cerca de 97% deles, os agressores eram pessoas desconhecidas da vítima.

Os números mostram que 94% das mulheres vítimas desse crime possuem entre 18 e 59 anos de idade. Cerca de 3% são menores de 18 anos e 4% são maiores de 50. 

Informações do Blog da Cidadania



Nenhum comentário

Os comentários publicados não representam o pensamento ou ideologia do Portal Lapa Oeste, sendo de inteira responsabilidade dos seus autores.