Breaking News

Censura! Escola proíbe livro que aborda período da ditadura militar





Luiz Puntel Meninos Sem Patria doutrinaçao Santo Agostinho

Por: Breiller Pires / El Pais

Luiz Puntel (Guaxupé, 1949) escreveu seis livros para a Série Vagalume, célebre coleção da literatura brasileira voltada para o público infantojuvenil. Um deles é Meninos Sem Pátria, inspirado na história do jornalista José Maria Rabelo, que, perseguido pela ditadura militar, foi obrigado a se exilar do país com esposa e sete filhos por 16 anos.




A obra está em sua 23ª edição e é uma das mais populares da série, com quase 1 milhão de exemplares vendidos – a maioria deles para uso didático em escolas. Nesta semana, um grupo de pais se revoltou com a indicação do livro para alunos do sexto ano do colégio carioca Santo Agostinho, no Leblon, por suposta “doutrinação comunista”.

Depois da queixa, a direção decidiu suspender a leitura. Nesta sexta-feira, outro grupo de pais e estudantes protestou em frente ao colégio e fez um abaixo-assinado contra a censura.




Mais de três décadas após o lançamento, Puntel rechaça a hipótese conspiratória atribuída a sua obra, explicando que a trama não faz juízo de valor sobre posicionamentos ideológicos ao constatar que o Brasil experimentou a ditadura militar. “É um fato histórico”, afirma o autor, que hoje dá aulas de português, redação e oratória em Ribeirão Preto, interior de São Paulo. (Entrevista completa)

NÃO PERCA OS FATOS! Acesse nossa página no Facebook (clique aqui), clique em curtir e receba todo o conteúdo do Portal Lapa Oeste. Contamos com você!



NÃO PERCA OS FATOS! Acesse nossa página no Facebook (clique aqui), clique em curtir e receba todo o conteúdo do Portal Lapa Oeste. Contamos com você!


Nenhum comentário

Os comentários publicados não representam o pensamento ou ideologia do Portal Lapa Oeste, sendo de inteira responsabilidade dos seus autores.