Breaking News

Oeste: Polícia Civil descobre que jovem foi morto pelo irmão com tiro acidental





A Polícia Civil de Luís Eduardo Magalhães descobriu que a morte do jovem Maxuel Luiz Pereira, de 26 anos, foi causada por um disparo acidental da arma de fogo manuseada pelo seu próprio irmão, no dia 8 de julho.
Segundo o Blog Sigi Vilares, a família disse à polícia que a morte foi causada por um latrocínio, no entanto, as investigações mostraram outras evidências e o responsável confessou o crime, durante depoimento à Polícia.




De acordo com o Blog, o irmão da vítima identificado como Wanderson Luis Pereira contou que, após o disparo, ficou desesperado e jogou a arma em um rio. A família, então, construiu a versão do latrocínio para evitar a sua prisão.
Após o esclarecimento, Wanderson foi indiciado por homicídio culposo, porque não houve intenção de matar.

NÃO PERCA OS FATOS! Acesse nossa página no Facebook (clique aqui), clique em curtir e receba todo o conteúdo do Portal Lapa Oeste. Contamos com você!



NÃO PERCA OS FATOS! Acesse nossa página no Facebook (clique aqui), clique em curtir e receba todo o conteúdo do Portal Lapa Oeste. Contamos com você!


Nenhum comentário

Os comentários publicados não representam o pensamento ou ideologia do Portal Lapa Oeste, sendo de inteira responsabilidade dos seus autores.