Breaking News

Absurdo! Duas mulheres entram no Hospital Regional e matam paciente em Guanambi







Um homicídio chocou a cidade de Guanambi durante a noite dessa sexta-feira (26), quando duas mulheres entraram no Hospital Regional e mataram um homem que estava em estado grave na UTI da unidade.

Segundo relatos de testemunhas, obtidos pela redação da web rádio Igaporã, as duas mulheres chegaram fora do horário de visita, se identificaram como irmãs da vítima e pediram para entrar, pois queriam fazer orações.




Resultado de imagem para hospital regional de guanambi
Foto: reprodução
Dentro da semi-UTI, elas teriam desligado os aparelhos, causando a sua morte. As duas mulheres e os funcionários do HRG foram conduzidos à sede da 22a Coorpin, para prestar os esclarecimentos.

Em depoimento alegaram que agiram sob inspiração espiritual. A polícia identificou a vitima como Almiro Pereira Neves, internado desde o dia 21 de outubro. As irmãs presas são Zelita Pereira Neves, de 32 anos, residente em Luisiânia (SP), e Marliete Pereira Neves, de 43 anos, de Guanambi.



NÃO PERCA OS FATOS! Acesse nossa página no Facebook (clique aqui), clique em curtir e receba todo o conteúdo do Portal Lapa Oeste. Contamos com você!



NÃO PERCA OS FATOS! Acesse nossa página no Facebook (clique aqui), clique em curtir e receba todo o conteúdo do Portal Lapa Oeste. Contamos com você!


Nenhum comentário

Os comentários publicados não representam o pensamento ou ideologia do Portal Lapa Oeste, sendo de inteira responsabilidade dos seus autores.