Breaking News

Sítio do Mato: mais de 3 mil eleitores ainda precisam realizar recadastramento biométrico





Por: ASCOM/TRE

O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) informa que mais de 3 mil eleitores do município de Sítio do Mato ainda não realizaram o recadastramento biométrico, obrigatório para as eleições municipais de 2020. O eleitor que não regularizar situação não poderá votar e terá o título cancelado.



De acordo com o Biomaps, aplicativo para monitoramento da biometria, em Sítio do Mato, dos 9.511 eleitores convocados, apenas 5.989 (62,97%) realizaram a coleta dos dados. Sendo assim, 3.522 cidadãos ainda estão em débito com a Justiça Eleitoral.

Com a conclusão da revisão biométrica em todo o estado prevista para 2020, o próximo pleito ocorrerá com obrigatoriedade de identificação biométrica para todas as cidades baianas. Conforme a Justiça Eleitoral, o procedimento garante mais segurança ao processo, uma vez que o reconhecimento pela digital impede que um eleitor vote com a identificação de outro.



Com o cancelamento do título eleitoral, além da impossibilidade de votar, o cidadão fica sem condições de ser empossado em cargo público, matricular-se em instituição de ensino, tirar passaporte na Polícia Federal, obter empréstimos em instituições financeiras, etc.

Atendimento

Para regularizar a situação eleitoral e/ou realizar a coleta dos dados biométricos, o cidadão pode optar pelo atendimento com hora marcada por meio do site ou telefone da Justiça Eleitoral. Para agendar o serviço, basta acessar www.agendamento.tre-ba.jus.br ou entrar em contato com os números 0800 071 6505 ou pelo whatsapp (71) 3373-7223.




NÃO PERCA OS FATOS! Acesse nossa página no Facebook (clique aqui), clique em curtir e receba todo o conteúdo do Portal Lapa Oeste. Contamos com você!





NÃO PERCA OS FATOS! Acesse nossa página no Facebook (clique aqui), clique em curtir e receba todo o conteúdo do Portal Lapa Oeste. Contamos com você!


Nenhum comentário

Os comentários publicados não representam o pensamento ou ideologia do Portal Lapa Oeste, sendo de inteira responsabilidade dos seus autores.