Breaking News

MPF pede condenção do Prefeito de Ibotirama por desvio de 38 mi da educação




Resultado de imagem para prefeito de ibotirama bahia
Foto: reprodução



O MPF (Ministério Público Federal) protocolou denúncia contra o prefeito de Ibotirama, Claudir Terence Lessa Lopes de Oliveira, por desvio de recursos que, obrigatoriamente, deveriam ser utilizados na educação municipal.

De acordo com a denúncia do MPF, apresentada ao TRF1 (Tribunal Regional Federal-1), o prefeito aplicou indevidamente mais de R$ 38 milhões vinculados ao Fundeb, recebidos em 2016, no pagamento a fornecedores, folha de pagamento, etc.




Os recursos foram transferidos para a prefeitura a partir de uma sentença judicial, proferida em ação civil pública proposta pelo MPF em São Paulo, cujo objeto foi a alteração da forma de cálculo do valor anual mínimo por aluno, para fins de complementação da União e a cobrança da diferença paga a menor pela União Federal a partir do ano de 1998.

A denúncia pede a condenação do secretário de administração e finanças, além da perda dos direitos políticos por cinco anos do prefeito Claudir Terence. Informações do Jornal de Brasília.





NÃO PERCA OS FATOS! Acesse nossa página no Facebook (clique aqui), clique em curtir e receba todo o conteúdo do Portal Lapa Oeste. Contamos com você!





NÃO PERCA OS FATOS! Acesse nossa página no Facebook (clique aqui), clique em curtir e receba todo o conteúdo do Portal Lapa Oeste. Contamos com você!


Nenhum comentário

Os comentários publicados não representam o pensamento ou ideologia do Portal Lapa Oeste, sendo de inteira responsabilidade dos seus autores.