Breaking News

TRE proíbe atos de campanhas presenciais na Bahia




Por: G1 Bahia

O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) proibiu, nesta terça-feira (10), atos de campanha presenciais que violem as normas sanitárias para as Eleições 2020 em todas as cidades da Bahia. Segundo o órgão, a medida foi tomada devido o número de aglomerações de pessoas em atos de campanha eleitoral. 



Conforme pontuou o órgão, alguns desses eventos fazem com que as pessoas desrespeitem as normas sanitárias impostas para o combate da pandemia do novo coronavírus. Conforme o boletim divulgado pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), na tarde desta terça-feira, a Bahia já tem 365.941 casos confirmados da doença desde o início da pandemia. 

Com a decisão, ficam proibidos comícios, passeatas, bandeiraços, caminhadas, bicicleatas, cavalgadas, motoatas, carreatas e similares. Além disso, a decisão do TRE-BA impede a distribuição de panfletos, folhetos, adesivos e outros materiais de campanha. 

O candidato, partido ou coligação que descumprirem tais medidas estarão sujeitos a multa no valor de R$ 5 a R$ 25 mil, ou equivalente ao custo da propaganda, se for maior. 

Para evitar que as aglomerações e infrações continuassem, o TRE-BA lançou o Disque Aglomeração, canal exclusivo para denúncias ligadas à concentração de pessoas em atos de campanha eleitoral em municípios do estado. O serviço funciona todos os dias, das 9h às 24h, por meio do número (71) 3373-9000. 

Em menos de dez dias, o TRE-BA registrou mais de mil denúncias.



NÃO PERCA OS FATOS! Acesse nossa página no Facebook (clique aqui), clique em curtir e receba todo o conteúdo do Portal Lapa Oeste. Contamos com você!





NÃO PERCA OS FATOS! Acesse nossa página no Facebook (clique aqui), clique em curtir e receba todo o conteúdo do Portal Lapa Oeste. Contamos com você!


Nenhum comentário

Os comentários publicados não representam o pensamento ou ideologia do Portal Lapa Oeste, sendo de inteira responsabilidade dos seus autores.