Breaking News

Lapa: vereador não encontra motivos para o atentado à bala que sofreu; polícia tem suspeitos

Foto: Portal Lapa Oeste

O vereador Gedson Nascimento (PSC) conversou com a reportagem do Portal Lapa Oeste, no início da noite deste domingo (16), sobre o atentado a tiros que sofreu na noite da última quarta-feira (12), minutos após entrar em sua casa localizada no bairro São João, em Bom Jesus da Lapa.



Ainda abalado e confuso por não conseguir entender os motivos do ataque, Gedson disse que ouviu os tiros quando já estava dentro do imóvel, onde acabara de chegar de uma viagem feita à cidade de Ibotirama. As marcas dos disparos ficaram no portão da sua casa e ele recolheu alguns projéteis.

Ele afirma que vizinhos chegaram a ver um homem efetuando os disparos, montado em uma moto. Mas, não conseguiram identificar o acusado. Segundo Gedson, um sistema de vídeo registrou o fato, mas as imagens também não são conclusivas com relação à identidade do atirador.

O vereador permanece em contato com a 24ª Coorpin para acompanhar as investigações. A polícia teria informado que nesta segunda-feira (17), recolherá imagens de outras câmeras da rua, que podem ter captado imagens mais bem difinidas sobre o atirador. Nossa reportagem apurou que a polícia já possui suspeitos, mas mantém os nomes em sigilo para não atrapalhar as investigações.



Questionado sobre a existência de possíveis inimigos ou motivos que provocariam a suposta tentativa de homicídio, Gedson afirmou que não possui qualquer suspeita sobre pessoas ou motivos e acredita que o fato se tratou mais de uma intimidação do que tentativa de homicídio.

"Na verdade isso tá me intrigando, pois não tem uma motivação que eu tenha conhecimento ou causado. Não ocorreu qualquer briga em grupos de redes sociais nem discussão com qualquer pessoa. Nosso mandato na Câmara Municipal não apresentou pautas polêmicas que possam atingir interesses de pessoas ou setores da sociedade. Portanto, não possuo a menor suspeita sobre pessoas ou motivos para o atentado", afirmou Gedson.

Sobre o desdobramento das investigações policiais, o vereador demonstra esperanças de obter novas informações, principalmente, com a utilização de imagens obtidas das câmeras existentes na vizinhança. "Minha angústia é não saber se foi um susto que quiseram me dar, intimidação ou outro motivo. É difícil de lidar com essa dúvida. Não tenho inimigos para desejarem minha morte. Tá tudo muito estranho", comentou.



Nenhum comentário

Os comentários publicados não representam o pensamento ou ideologia do Portal Lapa Oeste, sendo de inteira responsabilidade dos seus autores.