Breaking News

Pandemia: cientistas testam vacina que não precisa ser conservada em geladeiras


Por: Tilt/UOL

Um dos grandes desafios de logística com relação às vacinas contra a covid-19 é a necessidade de armazenamento em temperaturas baixas. No entanto, engenheiros da Universidade da Califórnia, em San Diego, nos Estados Unidos, estão se esforçando para dar um jeito nisso.



O objetivo é desenvolver imunizantes a partir de vírus de plantas e bactérias, que possam suportar o calor e não precisem ser armazenados em geladeira. Segundo artigo publicado no início do mês passado no Journal of the American Chemical Society, os resultados são promissores, ainda que o estudo esteja em estágio inicial.

Para desenvolver os imunizantes, os pesquisadores utilizaram feijão e bactérias E. coli a fim de cultivar milhões de cópias de vírus na forma de nanopartículas, explicam os pesquisadores em comunicado divulgado pela Universidade da Califórnia.

Após coletar essas nanopartículas, eles anexaram um pequeno pedaço da proteína spike do SARS-CoV-2 (nome oficial do coronavírus que causa a covid-19) à superfície. Esse pedaço de proteína estimula o corpo a gerar uma resposta imunológica contra o coronavírus.



O resultado, segundo os pesquisadores, será uma vacina mais resistente, fácil de armazenar e transportar. Além dos benefícios de logística, o uso de vírus a partir de plantas e bactérias pode gerar economia na hora de produzir em larga escala.

Além de serem administradas na forma tradicional com injeções, as vacinas com nanotecnologia podem ser aplicadas por meio de implantes ou adesivos de microagulha.

A novidade é animadora, mas as novas vacinas ainda estão no estágio inicial de desenvolvimento. Em camundongos, os imunizantes desencadearam alta produção de anticorpos. Agora é preciso saber se elas serão seguras em humanos.

Os pesquisadores ainda testarão in vivo para saber se as vacinas protegem contra a infecção do covid-19, bem como suas variantes.



Nenhum comentário

Os comentários publicados não representam o pensamento ou ideologia do Portal Lapa Oeste, sendo de inteira responsabilidade dos seus autores.